segunda-feira, 30 de maio de 2016

A descoberta do objeto

Era um objeto
Sem vida, sem teto
Era um lápis
Que tenho dó e piedade

Ele não escrevia
Nem tristeza e alegria
Só escrevia apenas
O que na vida eu sentia

Nenhum comentário:

Postar um comentário