sábado, 4 de junho de 2016

Solidão também é companhia ...

Não vou negar, eu tenho vontade de te chamar no Whats, no chat, aonde for, mas não é pra dizer que eu estou com saudades. No entanto, o meu desejo era te dizer o quanto eu estou bem sozinha, você não sabe a metade do bem que me fez quando resolveu partir, com poucas explicações, mas me deixando um vazio enorme naquele momento. Sim, eu não chorei, eu sou sensível, mas sou muito mais forte do que sensível, eu queria ao menos ter derramado uma lágrima, mas meus olhos viram que não iria valer a pena, ela seria em vão. Sei que antes eu sentia muito, hoje eu continuo sentindo, mas a diferença é que eu sinto por quem vale muito, por alguém que mereça muito. Não gosto de fingir estar somando, ou eu sumo ou somo, ao contrário de você que chegou pra diminuir, deixar dores, pensando que as cicatrizes são rápidas, mas não, rápido é você, chegou e se foi, tão rápido que não deixou marca nenhuma de felicidade, a não ser lições e uma delas é ter me ensinado a viver sozinha, porque solidão é companhia e eu só preciso de mim mesma.

Nenhum comentário:

Postar um comentário