domingo, 17 de julho de 2016

Tá tudo bagunçado ...

A verdade talvez machuque, mas o silêncio ainda mais,  as lágrimas talvez queiram cair, mas você insiste em segurá-las e opta por respirar fundo e guardar toda saudade. Você tem que seguir em frente, mas mesmo assim ainda olha pra trás, dá aquele sorriso que parece que não vai se repetir nunca mais, mas você ainda vai sorrir muito. Longe do outro cada um sabe a falta que faz. Talvez a orgulhosa da história seja você, ou ele, mas isso pouco importa, pois ambos sentem saudade, apenas não procuram um ao outro, mesmo que os caminhos venham se desviar por algum momento, o que e quem é bom sempre marca profundamente, sempre volta, faz uma visita, inesperada, longa ou rápida, mas volta. Quando o assunto é vocês, você sempre vai lembrar e dá aquele sorrisinho bobo como de  costume, vai ler e reler as mensagens pra tentar viver tudo o quanto estava vivendo antes. Você vai olhar o visto por último no whatsApp, o chat do facebook, a linha do tempo, as curtidas, os comentários, mas não vai chamar, vai digitar e apagar, vai querer estar presente, mas vai escolher ser a ausência. Certas coisas são difíceis de aceitar, mas algumas delas precisamos enfrentar, sem tapar os olhos para a realidade, mas estar apto a entender que boas pessoas também passam por maus momentos. Mas não dá pra mentir pra si mesmo, fingir estar feliz não proporciona felicidade, mas viver intensamente os momentos é o que torna a vida especial.

Nenhum comentário:

Postar um comentário