sexta-feira, 23 de dezembro de 2016

De: meu coração / Para : suas lágrimas

Não sei exatamente quantas lágrimas caíram do seu olhar até aqui. Em seu joelho visualizo calos, talvez você estava de joelhos procurando uma resposta em meio a tantas adversidades. Sabe quando tudo vai mal? Então, você já chorou demais, houve um tempo em que desacreditara de tudo, das pessoas, amor, felicidade e vida, todos as sua volta estavam sorrindo e preenchidos por inteiro, mas havia um vazio inexplicável dentro do seu coração, você se lamentava, fazia tanto para os outros e mal recebia um "obrigado" como retorno, algo que parece simples, contudo, poderia ter feito com que seu coração pulasse de alegria ao ouvir aquele vocábulo. Muitos passaram na estrada da sua vida, tendo capacidade o suficiente para deixar marcas,saudades e boas lembranças, porém, deixaram marcas de dor. Hoje, você se sente vazia, olha de um lado a outro, mas parece que a direção certa não existe, quem não sabe aonde deve chegar, geralmente busca os atalhos mais fáceis, é simples caminhar em caminhos onde os espinhos não estão intactos nas flores do jardim de nossas vidas, difícil mesmo é assumir a responsabilidade de pisar nos espinhos e agradecer por todos eles. Ninguém enxugou as suas lágrimas, ah, mas as suas mãos talvez serviam como lenços, você usou seu polegar para enxugar as lágrimas que caíam de um olhar que de início pareciam ser sincero, mas somente machucou o seu coração, conseguindo até mesmo atingir o profundo da sua alma, arrancaram sua vontade de sorrir, agradecer e viver. Eu sei que os dias passam, ah, e as pessoas também, talvez, se vão para sempre e a despedida é a flecha dolorosa que invade o nosso peito sem razões. Embora nos machuquem, ainda vale a pena acreditar que existe pessoas que sabem amar, que com certeza cuidará dos nossos corações com todo amor do mundo, a vida nunca foi simples, nem tão pouco prática, porém, vale a pena abrir os olhos uma vez sequer e agradecer, olhar em sua volta, agradecer pelo canto dos pássaros, por cada batida do seu coração, pelas palavras que soam em forma de poesia através da sua boca, pelo lápis que lhe permite escrever aquilo que está no baú dos seus sentimentos, a vida é muito mais que isso, mergulhe nesse oceano, você ainda vai correr muitos riscos, mas é preciso arriscar, sempre. 
imagem de : https://osegredo.com.br/2013/12/sempre-vida/

Um comentário: