quinta-feira, 22 de dezembro de 2016

O seu sorriso

Eu não precisava de muito, aquele sorriso já era o suficiente para fazer com que borboletas voassem dentro do meu estomago, as minhas mãos suavam frio, fazia tempo em que meus olhos não iam de encontro com um sorriso como aquele. O seu sorriso me desmonta e monta, sinto que somos um quebra cabeça, o encaixe perfeito, mesmo que não haja em nós tantas coisas em comum, você era a peça que faltava, o seu sorriso era o encaixe perfeito do quebra cabeça da minha vida. Ah, mas corri, chorei, tropecei, andei por aí desacreditada da vida, talvez do amor e das pessoas, contudo, você chegou, sem avisar, com aquela pinta no canto da boca, aqueles olhos escuros, aquele olhar puro que faz com que meu coração estremeça em cada batida. Voltei acreditar na vida, no amor e nos outros, ainda mais na possibilidade de ser feliz, estando feliz sozinha, encontrando a minha própria felicidade, foi aí que percebi o quanto eu posso contribuir para a sua felicidade, são duas pessoas e um só coração. Obrigada por marcar a minha vida com sorrisos, sei o quanto é difícil suportar as minhas crises, as variadas mudanças de humor, a bipolaridade (sou bipolar? Ah, sim, ou melhor, não sei), a TPM que chocolate nenhum cura, meu jeito ciumento, orgulhoso e menina má, minha vida agora tem um jeitinho todo seu, e a sua tem um jeitinho todo meu. Os dias que pareciam cinzas ganharam cor com a sua chegada, e foi aquele sorriso que me ganhou e que me ganha todos os dias, o seu. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário